Meta de leitura: imprescindível para o leitor? ?>

Meta de leitura: imprescindível para o leitor?

Uma meta de leitura, ou TBR (do inglês, to be read – a ser lido), é um objetivo literário. Até hoje, já vi meta de leitura anual, mensal, semanal, diária. Apesar de eu ver isso muito mais entre bookstagrammers, já vi algumas pessoas fazendo isso mais por fazer do que por qualquer outra coisa.

Pessoalmente, nunca fui muito de fazer uma meta de leitura. Fazendo dois currículos ao mesmo tempo desde o meio do ano passado (e vivendo em semi-integral desde o sexto ano), o meu tempo é limitado. Claro, isso nunca me impediu de ler feito uma condenada, mas tenho que analisar minhas prioridades.

Eu acho que a meta de leitura não envolve só a vontade de ler, mas também a disponibilidade de tempo. Montar uma meta de leitura com uma agenda lotada é sinônimo de frustração. Sacrificar tudo por uma leitura não é saudável, e se forçar a viver dias de 26 horas para poder fazer tudo o que precisa, menos ainda. Eu, particularmente, não gosto de me comprometer com algo e depois não conseguir cumprir. Então, faço metas de leitura raras vezes, e que normalmente são bem vagas (quero ler a série de Trono de Vidro da Sarah J. Maas esse ano ainda, por exemplo).

Um tipo de TBR que eu acho interessante é a TBR de autores ou de gênero literário. Por exemplo, eu criei uma meta em 2017 de entrar nos thrillers em 2018. Aconteceu, e li tanto thriller que fiquei até saturada. Em março, temos a #leiamulheres, que incentiva pessoas a lerem apenas autoras mulheres durante todo o mês de março. Outra é a Fantastona, que também é uma maratona, na qual são selecionados alguns livros de fantasia que o participante deve ler.

Eu gosto de fazer metas de leitura nas férias, apesar de tudo. É um período bem mais tranquilo, quando eu posso virar noites lendo livros (como uma semana do ano passado na qual eu li 8 livros, sendo que 5 deles foram em 2 dias).

Ainda assim, ler à força apenas para cumprir números se torna sem sentido para mim, e a leitura acaba perdendo toda a magia e vira um trabalho no qual eu tenho que bater ponto.

0 Comentários

Deixe um comentário!