Como criar um hábito de leitura? ?>

Como criar um hábito de leitura?

Já me perguntaram muitas vezes: como eu faço pra ler tanto como você? Me dá umas dicas? Mas como você consegue ler tanto e ir bem na escola? Nós falamos que a leitura é um hábito, mas essa palavra soa meio impessoal. A leitura não é um hábito, mas um prazer. Somente quando houver prazer na leitura ela se tornará um hábito – e, no caso de blogueiros e bookstagrammers, também um trabalho.

Para ajudar, reuni uma lista com alguns passos para tornar a leitura um hábito.

  • Descubra o seu gênero

Não, isso aqui não tem nada a ver com a sua identidade de gênero (se tratando de livros, isso é irrelevante)! Descubra o gênero literário que você mais gosta! Eu, pessoalmente, saí do mundo dos livros infantis aos 8, quando comecei a ler fantasia (também conhecida como Eragon). Até hoje, fantasia é o gênero que eu mais leio. Segue uma lista de alguns gêneros que vale a pena conhecer:

Romance – com magia, sem magia, de época e até erótico, espere por beijos e pessoas lindas!

Suspense – esse gênero pode fazer você ficar olhando para trás sempre que estiver sozinh@ em casa ou arrancar os cabelos de ansiedade para descobrir quem é o assassino/sequestrador! Intrigas e mais intrigas!

Fantasia – apesar de envolver magia, não se engane! Fantasia não envolve só universos com anões, elfos, humanos e gigantes envolvidos em guerras em um período medieval. A magia é muito mais ampla que isso, assim como os livros.

Ficção científica – naves espaciais, robôs, doenças criadas em laboratório, alienígenas e tudo o que a astrofísica tem direito!

Não ficção – nesse gênero estão as biografias, os ensaios, os livros um pouco mais técnicos. Pra quem prefere ficar mais na realidade.

  • Todo mundo tem um tipo

Nem todo mundo gosta de romance (agora, falando do tipo de texto, ou seja, um livro comum). Os capítulos podem ser longos, a história demora muito para se resolver… Para começar a criar um hábito de leitura, acho que é importante começar pelo básico. Às vezes, histórias curtas são muito mais efetivas. Aqui vai uma lista de tipos de textos que pode te ajudar.

Romance – são os livros “normais”, divididos em capítulos (apesar de alguns não serem assim). Para quem está começando, talvez seja mais interessante começar com livros menores ou livros únicos, que se resolvem em apenas um volume.

Conto – histórias curtas ficcionais de todos os temas possíveis. Existem muitas antologias de todos os gêneros diferentes por aí, é só procurar!

Crônica – também são histórias curtas, mas são considerados pela maioria como textos não-literários por retratarem a realidade, algo pelo qual o autor ou alguém próximo realmente passou.

Poema – não tenha preguiça só de lembrar dos poemas que você tinha que analisar para o vestibular! Os poemas estão ressurgindo hoje em dia com sua maneira rápida e eficiente de passar um sentimento.

Quadrinhos – pra quem quer ver a emoção. Eles são bem mais rápidos de ler do que os outros, então é um bom começo para aqueles que não têm a mínima ideia de por onde começar (eu também apoio mangás).

  • Blogueiro também é gente

Existem milhares de blogueiros de livros na internet. Converse com eles! Um bom blogueiro vai saber te dar dicas até baseado nas séries que você assiste. Também leia resenhas, veja fotos e veja comentários sobre aquele livro com uma capa bonita que você viu no Instagram.

  • Largue o telefone

O essencial para criar um hábito é se desvencilhar de um vício. Quer ler? Coloque o telefone no silencioso, deixe-o em outro cômodo, até. A internet é algo maravilhoso até começar a atrapalhar os nossos planos.

Algo muito bom de se fazer também é sempre ter um livro na bolsa. Assim, ao invés de mexer no celular dentro do ônibus, táxi ou Uber, pegue o livro e leia!

  • Faça reservas

Reserve um tempinho do seu dia para a leitura (quase como um Duolingo da vida). 10, 15 minutos já podem fazer a diferença.

Tenho feito um experimento em relação a isso. Eu sempre demoro muito pra acordar de manhã. Assim que meu alarme toca, às 6h, eu me levanto, coloco o óculos e pego o livro que estou lendo. Ler por 10 ou 15 minutos me acorda rapidinho, e tenho força pra começar o dia.

  • Mude o instrumento

Livros são caros, e com a crise das livrarias eles vêm ficando mais pesados no bolso. Procure um sebo! Livros em segunda mão ainda são livros! Falando em peso, um livro físico pode se tornar bem difícil de carregar. Compre um Kindle! A longo prazo, pode valer a pena. Ou, se não quiser gastar tanto dinheiro, pegue livros emprestados! Dê uma revisitada na biblioteca pública ou peça para aquele seu amigo leitor (e convença-o de que vai cuidar muito bem do amado livro dele).

0 Comentários

Deixe um comentário!